Deixe um comentário

Shinzo Abe aceita plano de redução de impostos para empresas

Governo deve melhorar o sistema de recolha de impostos

Shinzo AbeO primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, aceitou um plano de corte a partir de 2015 do imposto aplicado às empresas do país, um dos mais altos do mundo, e que defende que o Governo deve melhorar o sistema de recolha de impostos para não aumentar ainda mais a dívida do país, relata o Japan Today.

Shinzo Abe aceitou a proposta de baixar a carga fiscal delineada na véspera pelo comitê fiscal do Partido Liberal Democrata. O imposto gira em torno de 35% e é um dos mais altos do mundo e está acima de outras potências como a China e a Coreia do Sul que cobram, respetivamente, 25% e 24%.

A nova medida será essencial para atrair investimento estrangeiro no Japão e que deseja reforma fiscal pronta até o final do ano para que possa ser aplicada no início do próximo ano fiscal japonês, que começa em abril de 2015.

O comitê fiscal dos liberais defende ainda que o superávit das contas públicas deve ser atingido em 2020, para que a dívida pública japonesa, a maior do mundo, não continue aumentando.
Fonte: IPC Digital

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: