Deixe um comentário

Disque Saúde passa a ser parte da NPO Sabja e segue atendendo por telefone

Ao longo de 18 anos, o disque saúde fez cerca de sessenta mil atendimentos por telefone

disque saude npo sabjaDois meses atrás, noticiamos o fim do serviço Disque Saúde previsto para 30 de junho, mas desde o anúncio, um outro grupo que presta assistência aos brasileiros começou a se movimentar para mudar a situação. E conseguiu.

A partir de agora, o Disque saúde passa a ser parte da NPO Sabja, grupo de assistência a brasileiros no Japão que existe desde 98.

Ela mantém caravanas principalmente para acompanhar os itinerantes realizados pelos consulados, além de oferecer cerca de 300 consultas psicológicas e mais de 180 atendimentos telefônicos por mês.

O trabalho da NPO aumentou, agora com a inclusão do programa disque saúde.

¨Nós do Sabja percebemos que existe uma demanda muito grande dos trabalhos do Disque Saúde e achamos que seria necessário manter, dar continuidade dos trabalhos¨, revela Shinji Mogi, presidente da organização.

Por falta de dinheiro, o disque saúde estava com os dias contados. O fim tinha sido decretado para 30 de junho.

¨Ela sempre foi mantida por empresas privadas, empresas essas que se preocupam com o bem estar dos brasileiros, mas depois da crise, boa parte da população foi embora, muitas empresas também tiveram que fechar então a dificuldade se tornou maior ainda¨, Neusa Miyata, ex-presidente do Disque Saúde.

Ao longo de 18 anos, o disque saúde fez cerca de sessenta mil atendimentos por telefone. Esse trabalho vai continuar, agora sob novo comando, revela Neusa Miyata.

¨Eu espero que mais pessoas né se interessem em ajudar e com mais pessoas ajudando a cota diminui né então não fica tão pesado pra cada empresa, então essa é a ideia da gente ter assim, uma conscientização da própria comunidade a cuidar da sua própria saúde né¨.

Mas a saúde financeira do programa ainda requer cuidados, segundo Shinji Mogi

¨A Sabja, a gente tem uma reserva que pode manter as duas entidades, tanto a Sabja e o Disque Saúde por um certo tempo, a outra estratégia é tentar aumentar o número de contribuintes que possam ajudar financeiramente e com uma cota menos né que seja 5000 ienes ou 10 mil ienes qualquer coisa que seja¨.

Para estimular pessoas físicas e empresas a contribuírem, foi criado um selo de qualidade.

¨Para gente oficializar esse selo, para que as empresas ou pessoas físicas que contribuam com o programa tenham o direito de usar esse selo de qualidade ou seja, é um reconhecimento de que essa entidade tá ajudando o programa do Disque Saúde então é uma forma de reconhecer as pessoas ou a entidades que colaboram com o programa¨, conta Mogi.

A campanha já começou. E quem precisar de ajuda médica, agora pode contar com uma equipe maior de médicos.

¨Então nós selecionamos 3 médicos né, os que mais atendiam né, os mais procurados e nós juntamos ao Sabja pra gente continuar dando essa assistência a comunidade brasileira¨.

A assistência médica é dada durante os consulados itinerantes, ou pelo telefone: 050- 68-64-66-00 ou 050- 68-61-64-00.

Quem precisar de atendimento presencial com psicólogo, pode agendar a consulta. Ela é oferecida de graça, três vezes por semana no prédio do consulado de Tóquio.
Fonte: IPC Digital

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: